O livro “O Centro Espírita”, de J. Herculano Pires  enfatiza, além de outros deveres, a necessidade de espírito de doação missionária por parte de seus participantes, que a expressão “voluntário/a” jamais englobaria, já que o Espiritismo como Cristianismo Redivivo, reproduz a tomada de consciência moral e intelectual que caminha em direção ao plano de regeneração.

As atividades desempenhadas num Centro Espírita devem ser assumidas por todos os que tenham as competências necessárias, espírito de cooperação bem como espírito de equipe, suficiente humildade para reconhecer que somos limitados em nosso alcance das necessidades humanas, por isso dependemos do amparo de Deus, de Jesus de Nazaré e dos Benfeitores da Humanidade, aliados a um profundo conhecimento do Espiritismo, para que possam ser cumpridas com o máximo de competência, exatidão e desprendimento.

Sem essas qualidades jamais poderemos dizer que o compromisso foi cumprido conforme as determinações dos Benfeitores das dimensões espirituais elevadas, verdadeiros líderes e legítimos coordenadores pois tem a visão dimensionada pelo espírito de doação, compaixão e caridade. Portanto, unirmo-nos a eles sem qualquer condição é dever de todo aquele que almeja atuar e exercer atividades gestoras num Centro Espírita.

Sem dúvida que às equipes, aos coordenadores, devemos sempre o carinho, o respeito e uma memória constante de seus feitos e realizações conjuntas, pois isto também é gratidão.
.

Reproduzimos aqui as diversas atividades, algumas gestoras, desempenhadas sob o amparo dos Benfeitores Espirituais, bem como com a companhia de amigos e companheiros dedicados ao Espiritismo:

Desde a década de 1970 – expositora e educadora nos cursos básico, Aprendizes, Expositores, Filosofia Espírita (FEESP).Desde a década de 1970 – expositora e educadora nos cursos básico, Aprendizes, Expositores, Filosofia Espírita (FEESP).

Desde a década de 1980 – inícios no Centro Espírita Nosso Lar Casas André Luiz em suas diversas atividades e no Conselho Deliberativo;

1984 – CENLCAL: gestora Depto. de Ensino com reforma de toda a área, criação do primeiro Curso para Expositores de área de Ensino e Reuniões Públicas (2 anos), criação dos Trabalhos Externos iniciados com o Presídio RG, criação da Área de Cultura Espírita em parceria.

CENCAL: Diretora Área de Cultura Espírita, responsável pelo planejamento de trabalhos efetivados por outras gestões, a saber: Biblioteca Circulante, cursos para plantonista, cursos para dirigente e dialogador para desobsessão, cursos para dirigente de reunião pública, criação do Encontro com a Cultura Espírita este em parceria, hoje todos implantados por outros dirigentes.

Intercâmbio com dezenas de palestrantes de FEESP, USE e Associação Médico-Espírita de SP, para atuação nos cursos mencionados e Encontros no CENLCAL, alguns dos quais hoje integrantes das equipes de comunicadores da Rádio Boa Nova, além de curso no Centro Espírita Nosso Lar; criação do Estudo Continuado do Espiritismo dividido em módulos de abordagem com intercâmbio entre educadores/expositores de instituições correlatas mencionadas acima e das CAL (na pessoa de seu Diretor Clínico); indicação do trabalho de mestrado do Diretor Clínico das CAL para equipe do Conselho espírita francês em visita ao Brasil, o que propiciou divulgação a nível internacional de seu trabalho nas CAL.

Após o período da tarefa de Área de Cultura Espírita do CENLCAL sob nossa responsabilidade, atuação na Associação Médico-Espírita de São Paulo no Depto. de Metodologia de Pesquisa a convite e sob a direção do dr. Ney Prieto Peres, com trabalhos apresentados em eventos na USP, sob o apoio daquela instituição espírita.

CAL: responsável pela criação da Assessoria de Comunicação, hoje área de Marketing da FEAL, com trabalhos de propaganda, publicidade e marketing para recuperação da imagem das CAL junto ao grande público: trabalho conjunto com ESPM, agências de publicidade diversas e campanhas publicitárias nacionais com a parceria Washington Olivetto e Nizan Guanaes, além de jornais de bairro (em parceria com Paulo Castaldelli, da família Castaldelli fundadora do CENLCAL) da Grande São Paulo, Guarulhos e ABCD; entrevistas em grandes redes de TV e rádio registrados em mídia eletronica, contatos com artistas de TV e diretores de novelas da Rede Globo com merchandising para as CAL; responsável pela divulgação do CENLCAL no aniversário institucional de 50 anos no Anhembi com toda a infraestrutura de apoio publicitário; responsável pela divulgação do CENLCAL no 1º. Congresso Espírita Mundial da FEB em Brasília com toda a infraestrutura de apoio além de expositora no Congresso; parceria com Assessoria Médico Espírita de São Paulo em seu 1º.Congresso Médico no Anhembi com apoio e infraestrutura e representação das CAL.

FEAL: responsável pela revisão, pesquisa e Notas (ainda constantes das edições subsequentes) das primeiras edições Mundo Maior editora e distribuidora de O Livro dos Espíritos e O Evangelho Segundo o Espiritismo do francês, bem como análise e aval quando compatíveis com o Espiritismo de outros livros e autores para publicação pela Editora , de 2000 a 2002;

FEESP: criação do Depto. de Eventos Culturais Espíritas, responsável por congressos e seminários; palestrante em Congressos organizados pela instituição; revisão e redação de partes dos livros textos de todos os cursos da Área de Ensino; expositora da Área de Ensino e do Depto. Federativo em diversos centros da capital e do interior de SP; membro do Conselho Deliberativo; participação em parceria da direção de atividades de Desobsessão (Pasteur); co-gestora do Curso de Expositores; co-gestora do primeiro curso de preparação de expositores para o curso de Aprendizes do Evangelho; responsável pela elaboração, criação, implantação e direção do II Curso de Filosofia Espírita (o primeiro, de autoria de Manoel São Marcos foi cancelado pela instituição), vigente até hoje com alterações curriculares.

Em todos esses anos, muitos foram os contatos com companheiros de outras instituições do Brasil e no exterior (Europa, Ásia e Estados Unidos) num intercâmbio efetivo e saudável que deu e dá seus frutos até os nossos dias, em nossa companhia ou nas instituições em que atuamos.

Criadora do PROJETO ESTUDOS FILOSÓFICOS ESPÍRITAS (título inspirado pelo trabalho do dr. Bezerra de Menezes), base estrutural da Fundação do CEFE-CENTRO DE ESTUDOS FILOSÓFICOS ESPÍRITAS, associação sem fins lucrativos responsável pela correta divulgação do Espiritismo via internet, com Portal de estudos www.filosofiaespirita.org e sete sites com conteúdo espírita, além de Grupos de Estudos Avançados Espíritas em Filosofia Espírita, VER-Visão Espírita da Religiosidade e Filosofia Espírita e Mediunidade bem como aulas presenciais ou à distância via Skype no exterior.


Produtora de conteúdo e apresentadora do programa FILOSOFANDO da TV Mundo Maior.

A nossa eterna gratidão aos amigos da Espiritualidade Superior que sempre estiveram presentes na inspiração e na direção espiritual de todos esses trabalhos dadas as nossas imperfeições e falhas naturais.

A nossa eterna amizade a todos os que nos apoiaram, abrindo caminhos para as realizações dessas atividades – são tantos esses companheiros, muitos já na pátria espiritual – a todos, o meu imenso carinho fraterno e gratidão de irmã.

O apreço à atual equipe do CEFE que está ombreando conosco e certamente muitos outros amigos e amigas que ainda virão agregar-se à esse trabalho de amor e de desenvolvimento do saber espírita. Igual carinho às equipes que hoje atuam ao nosso lado.

O meu imenso amor e gratidão aos meus pais que me trouxeram à vida nesta reencarnação.

SONIA THEODORO DA SILVA
Bacharel em Filosofia
Fundadora do CEFE-Centro de Estudos Filosóficos Espíritas
Bibliografia: arquivos de material impresso e áudio visual de todas as atividades supra mencionadas.